Como emitir Nota Fiscal Eletrônica? Confira o passo a passo - Quero Faturar - Emissão de NFe (nota fiscal eletrônica) Como emitir Nota Fiscal Eletrônica? Confira o passo a passo - Quero Faturar - Emissão de NFe (nota fiscal eletrônica)

Como emitir Nota Fiscal Eletrônica? Confira o passo a passo

Como emitir Nota Fiscal Eletrônica

Chega um momento em que todos os empreendedores e pequenos empresários precisam entender como emitir Nota Fiscal Eletrônica para o seu negócio, a fim de regulamentar vendas e se manter alinhado com os órgãos fiscalizadores. 

Nesse contexto, é muito comum observar que a maioria dos empreendedores não sabe como emitir nota fiscal eletrônica para o seu negócio e muitos perdem muito tempo pesquisando pelas melhores práticas para realizar a emissão. 

Pensando nessa dificuldade, a equipe Quero Faturar desenvolveu esse artigo completo, com todos os passos relacionados a como emitir nota fiscal eletrônica, com o objetivo de facilitar a sua rotina e te ajudar a solucionar dúvidas e dificuldades. 

Para aprender o passo a passo completo de emissão de notas fiscais eletrônicas, basta continuar lendo este artigo até o final. Acompanhe!

O que e para que serve a Nota Fiscal?

A Nota Fiscal é um documento muito importante para todas as Pessoas Jurídicas (PJ) que comercializam produtos ou prestam serviços. É com esse documento que você comprova todas as suas vendas e reúne os dados necessários para coletar tributos e impostos. 

Assim, somente com a emissão de notas fiscais corretamente é possível se manter regular perante os órgãos de fiscalização nacional, tais como a Receita Federal. 

Afinal, sem a comprovação de cada venda ou transação financeira que ocorre na empresa, como é possível provar o seu faturamento e despesas? Sem esse recurso você corre o risco de ser acusado até mesmo de sonegação fiscal! 

Esse processo de emissão de Notas Fiscais, realizado após cada venda, deve ser parte da sua rotina empreendedora e não pode ser negligenciado. 

Além de ser uma obrigação da empresa e auxiliá-la em questões de controle e pagamento de impostos, a Nota Fiscal também serve como uma garantia ao consumidor por sua compra. 

Isso significa que, caso ele precise fazer uma devolução ou pedir reembolso, a Nota Fiscal será o documento capaz de comprovar seus direitos de compra. 

Apesar de entender qual a importância e a finalidade das notas fiscais, você talvez se pergunte qual a diferença entre todos os tipos de notas fiscais existentes, incluindo as notas fiscais eletrônicas. É exatamente isso o que você aprenderá a seguir!

Tipos de Nota Fiscal

Tipos de Nota Fiscal

Antigamente, há pelo menos 5 anos atrás, era muito comum ver talões de notas fiscais serem preenchidos a cada venda, manualmente, pelos membros de uma empresa. 

Hoje, porém, com as facilidades trazidas pela tecnologia, esse procedimento não é mais viável nem interessante para as empresas. É por isso que existe a opção de emitir a Nota Fiscal em formato eletrônico, que facilita a rotina do empreendedor e otimiza tempo.

Nota Fiscal Eletrônica

A Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) nada mais é do que a melhoria da Nota Fiscal tradicional, que antes era preenchida e elaborada manualmente, agora de forma eletrônica. 

Assim, através dela são registrados e documentados todos os produtos vendidos, com impostos como ICMS incidentes sobre ela. Essa tributação se refere ao Imposto sobre Circulação de Mercadorias que deve ser recolhido a cada venda. 

Graças a internet e aos avanços tecnológicos, a Nota Fiscal Eletrônica é rapidamente emitida e validada pela Secretaria da Fazenda e Receita Federal, garantindo o bom funcionamento fiscal de todo o país. 

Nota Fiscal de Serviços Eletrônica

Da mesma forma, a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) também é responsável por documentar vendas, mas nesse caso, vendas de serviços, especificamente. 

Essa categoria envolve muitos profissionais liberais que prestam serviços como contadores, redatores, publicitários, advogados, nutricionistas e médicos. 

Todos prestam serviços e precisam, obrigatoriamente, emitir nota fiscal de serviços eletrônica (NFS-e) se quiserem ter uma boa reputação perante seus clientes e fiscalizadores, já que a prestação de serviços envolve o recolhimento do Imposto Sobre Serviços (ISS). 

Além disso, com a emissão da NFS-e é possível ter um controle mais detalhado sobre os seus ganhos e gastos mensais — algo que impacta diretamente nos pequenos negócios. 

Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica

A Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e) é a mais indicada para documentar as vendas e transações realizadas diretamente com o consumidor final, que pode ser uma pessoa física ou jurídica, sendo realizada de modo 100% eletrônico. 

Como se destina ao consumidor final, é muito comum ver essa Nota Fiscal sendo utilizada no varejo e substituindo a emissão de cupons fiscais ao cliente. 

Como emitir Nota Fiscal Eletrônica?

Como emitir Nota Fiscal Eletrônica?

Agora que você já conhece todos os tipos de Nota Fiscal e sua importância, chegou o momento de entender como emitir Nota Fiscal Eletrônica, de fato. 

Antes, faça questão de decidir qual o melhor modelo de nota fiscal para o seu negócio, se a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica, Nota Fiscal Eletrônica tradicional ou Nota Fiscal do Consumidor.

Faça seu cadastro no site da sua Prefeitura

O primeiro passo para emitir a nota fiscal eletrônica é se cadastrar nas plataformas oficiais do Governo, que garantirão a autenticidade da sua Nota Fiscal. 

É importante emitir o seu Certificado Digital e obter seu credenciamento em órgãos como Secretaria da Fazenda ou Prefeitura da sua cidade. 

No caso da emissão de NF-e e NFC-e, por exemplo, é preciso entrar em contato com a Secretaria da Fazenda do seu estado. Ao mesmo tempo, para a emissão de NFS-e, basta acessar a plataforma da Prefeitura da sua cidade.

Selecione a opção de emitir Nota Fiscal 

Você será encaminhado para um software gratuito da prefeitura ou do governo para emitir a sua Nota Fiscal. Nele, basta selecionar a opção de emissão de nota fiscal e, na sequência, preencher todos os dados da sua nota fiscal com atenção.

Preencha os dados da Nota 

Essa etapa é a que mais exige atenção da sua parte, empreendedor! Os dados da Nota Fiscal devem ser preenchidos com cautela, sempre conferindo se os valores e as informações estão corretos. 

É preciso verificar novamente as informações antes da emissão, já que emitir nota fiscal com erro pode ser um grande problema, resultando em desperdício de tempo e esforço para consertar o erro através do cancelamento ou inutilização da NF. 

Emita sua Nota Fiscal

Por fim, após se certificar de que todas as informações estão corretas, basta emitir a sua Nota Fiscal e enviá-la ao cliente — esse passo pode ser feito automaticamente ou manualmente, dependendo das configurações do emissor gratuito disponibilizado pelo Governo. 

Apesar de existir a opção gratuita de emissor de NF, nem sempre essa é a melhor ferramenta para realizar a tarefa, especialmente se você deseja automatizar a maior parte das etapas.  

A Quero Faturar conta com um Emissor de Notas Fiscais completo, com um suporte incrível para te ajudar sempre que precisar.

Conheça mais sobre o emissor de Nota Fiscal Eletrônica da Quero Faturar

Conclusão

Percebeu como a emissão de Notas Fiscais Eletrônicas é um processo simples? Basta aprendê-lo uma vez e ter a melhor ferramenta em mãos para evitar erros humanos ou erros de digitação. 

Se você gosta de estar sempre informado a respeito do universo contábil e empresarial, continue acompanhando o Blog Quero Faturar e aproveite todos os conteúdos gratuitos disponibilizados com carinho e propriedade!