Auditoria Contábil: tudo o que você precisa saber Auditoria Contábil: tudo o que você precisa saber

Auditoria Contábil: tudo o que você precisa saber

Auditoria Contábil

O ano de 2021 contou com mais de 600 mil empresas fechando as portas, segundo um levantamento da Pnad Contínua (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios). Um dos motivos é a falta de organização e auditoria contábil. 

Afinal, muitas empresas começam a “quebrar” financeiramente pela falta de estrutura e processos assertivos de lançamentos contábeis e acompanhamentos. 

Por isso, a auditoria contábil pode fazer toda a diferença no desempenho e expectativa de crescimento do seu negócio

Com ela, toda a equipe de gestão e direção, que participa ativamente na tomada de decisões da empresa, pode ter dados mais sólidos para planejar metas e estratégias corretivas. 

Mas, como esse procedimento é realizado? Quando é necessário? E quais os reais impactos positivos dele no seu negócio? 

Todas essas perguntas serão respondidas no artigo de hoje! A equipe Quero Faturar desenvolveu este conteúdo completo, com tudo o que você precisa saber sobre a auditoria contábil e como implementá-la. Continue a leitura e confira!

O que é auditoria contábil?

A auditoria contábil é o processo de aferição dos levantamentos contábeis e financeiros da sua empresa. Ela permite reunir informações e verificar todos os dados, com o objetivo de identificar possíveis falhas e traçar planos de ação para otimização de resultados. 

Assim, o responsável pelo procedimento analisa todos os registros contábeis do negócio, como:

  • Demonstração de Resultado de Exercício (DRE);
  • Balanço Patrimonial;
  • Fluxo de caixa;
  • Livros contábeis;
  • Documentos complementares, como notas fiscais emitidas e recebidas;
  • Conciliação bancária, declarações fiscais e muito mais. 

A partir dessa análise, é possível identificar todos os pontos de melhoria e oportunidades de crescimento da empresa. 

Principais objetivos da auditoria contábil

Por ser uma ferramenta extremamente completa, os principais objetivos da auditoria contábil, são:

  • constatar a saúde financeira e fiscal da empresa;
  • identificar falhas, faltas ou desvios que podem estar prejudicando a organização;
  • levantar dados suficientes para traçar as próximas metas de faturamento e corte de gastos;
  • evitar qualquer tipo de sonegação fiscal.

Em suma, o objetivo de toda empresa com essa ferramenta é aumentar os ganhos, reduzir os custos e evitar irregularidades, bem como funcionários ou equipes corruptas na organização. 

Quando uma auditoria contábil é realizada?

A maioria das instituições procuram uma auditoria contábil quando já estão afundadas em dívidas e complicações. 

Neste caso, o gatilho é a insatisfação com a lucratividade e sensação de falta de controle perante o próprio negócio. 

Mas você não precisa esperar um revés financeiro para aplicar a metodologia — ela pode ser sua aliada para manter o cenário positivo e escalar os ganhos. 

Basta contratar os especialistas corretos e um bom sistema de gestão financeira, capaz de reunir todos os dados de modo simples e confiável. 

E como ela é realizada?

Como fazer Auditoria Contábil

A auditoria contábil é geralmente feita em 4 etapas. Este é um bom padrão a seguir pelo profissional certificado pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC). 

O CFC ainda conta com uma resolução completa, contemplando diversas vertentes da rotina contábil e fiscal de uma empresa. 

Esses pontos impactam diretamente na sua auditoria contábil. É possível conferir todos os detalhes no arquivo oficial, a Resolução CFC N.º 1.328/11

Ainda, é importante lembrar que as etapas e configurações da auditoria podem variar conforme o profissional que desenvolve. Os passos básicos são:

Análise do Ambiente

É impossível identificar a situação atual da empresa sem considerar os fatores internos e externos que impactam diretamente no seu desempenho. 

Por isso, este é o momento de entender como o negócio opera, ou seja:

  • como é feita a comercialização de produtos;
  • quando são emitidas notas fiscais;
  • quais são os documentos que regem a empresa e sua cultura;
  • análise de declarações fiscais passadas;
  • e informações sobre associações comerciais que a empresa participa.

Planejamento

A etapa de planejamento é o momento de traçar as estratégias a partir das informações reunidas. 

Se necessário, o auditor listará ainda outros dados complementares que precisam ser levantados, ou testes que precisam ser feitos, para ter mais precisão. 

Então, um plano de ação será desenvolvido conforme as necessidades e metas da empresa, a fim de solucionar os possíveis gargalos identificados. 

Controle

Após o desenvolvimento do planejamento, o próximo passo é estabelecer o controle de informações, registros e documentos. 

É o momento de estabelecer como todos os dados atuais serão mantidos e como os futuros serão coletados: se com a ajuda de um software e sistema, ou manualmente. 

Testes

Por fim, a etapa de testes é a que validará todos os planos e hipóteses estruturadas na auditoria. 

Assim, será possível identificar novos pontos de otimização e verificar se os erros realmente foram corrigidos. 

Ainda, é possível realizar testes internos, a fim de identificar como é a rotina e os hábitos de lançamento e registro das equipes responsáveis. 

Vantagens da Auditoria Contábil

Vantagens da Auditoria Contábil

A auditoria contábil apresenta diversas vantagens e benefícios para as empresas que a adotam, como:

  • redução de custos, negligências e desvios fiscais;
  • controle exato de bens e obrigações fiscais;
  • execução completa e eficiente de lançamentos contábeis, evitando penalidades ou multas;
  • permite a tomada de decisões estratégicas e realmente eficientes, visando aumento de lucro e satisfação dos clientes e colaboradores;
  • identificação de possíveis fraudadores ou funcionários com moral questionável.

Cada empresa pode obter um resultado diferente, particular, com a auditoria contábil, a depender de sua situação financeira e processual antes de realizá-la. 

Mas a verdade é que todas podem se beneficiar das etapas de aplicação e resolução da auditoria. Afinal, ela evita problemas financeiros e jurídicos maiores, bem como a falência e gestão ineficiente. 

No blog da Quero Faturar você encontra tudo sobre contabilidade. Confira!

Conclusão

Percebeu como a auditoria contábil pode ser uma grande aliada da sua empresa? A auditoria contábil é a melhor forma de regularizar os aspectos fiscais e financeiros do negócio, evitando consequências negativas. 

Todas as etapas da auditoria contábil são úteis para melhorar a organização e os resultados da instituição, desde a análise do ambiente até o processo de testes internos e análise de desempenho.

Se você gosta de conteúdos como este, o que acha de explorar o Blog Quero Faturar? Nele, você encontrará apenas os melhores artigos sobre gestão contábil e preenchimento de notas fiscais

Com essas informações, sua rotina administrativa será muito mais leve e assertiva. Confira agora mesmo!